sábado, 18 de novembro de 2017

A parábola dos talentos - midrash ou alegoria interpretativa do gênero literário jurídico parabólico.



Parábolas são um gênero literário que envolvem um “processo” ou uma “acusação”. É o que se chama de “gênero literário jurídico parabólico”. 

Um processo bem orquestrado no desenrolar da trama contra os próprios ouvintes. Por conseguinte, a posição precipitada dos ouvintes evidenciaria uma autoacusação

Vejamos o exemplo da parábola da vinha em  Isaías 5,1-7:  Isaías apresenta o caso sobre o seu amigo e a improdutividade das uvas escolhidas que ele plantou na sua vinha. É um bom trecho  do gênero Parábola.

A parábola inclui em primeiro lugar a descrição do caso, para depois levar os ouvintes a tirar uma lição moral, passando por um julgamento e uma tomada de posição.

A determinação da linguagem persuasiva tem como principal função o convencimento e provoca uma dramaticidade necessária na narrativa, que tem o seu desfecho no julgamento apresentado.

Este processo jurídico- parabólico se caracteriza por uma abordagem amenizadora com o claro objetivo de criar um clima de suspense para os ouvintes e ao mesmo tempo provocar certa indignação diante do caso legal.

Finalmente vem a acusação: A estrutura jurídica tem nessa etapa uma função importantíssima.

Aqui a denúncia é devidamente estabelecida. A inevitável acusação é precedida por uma denúncia grave e ela é apresentada com uma pergunta retórica: “O que lhes parece?” O processo chega ao seu fim com um pronunciamento da sentença. 

A principal reclamação do proprietário da vinha é o fato que não obstante foram plantadas “uvas escolhidas”, foram produzidas “uvas azedas”.

Numa segunda etapa se percebe como o procedimento jurídico é desenvolvido. Chama a atenção, o convite que é feito para o interlocutor julgar e logo em seguida a acusação que é perpetrada imediatamente; através de uma pergunta característica,  “Que mais se podia fazer à minha vinha, que eu lhe não tenha feito?” De imediato, ele expõe a sua sentença, apresentando a sua inevitável ação punitiva.

No judaísmo, esse procedimento sempre se apresenta com uma pergunta retórica que leva os ouvintes a dar a sua própria sentença, por exemplo “merece a morte”. 

Nas parábolas de Jesus, destaca-se a parábola sobre os dois filhos: “qual dos dois fez a vontade do pai?” (Mt 21,28-32). “Que lhes parece?” O que pode ser comparado com a parábola de Natã, em que a pergunta provoca ao destinatário um reconhecimento que a decisão judicial diz respeito a si mesmo. Essa decisão judicial paradigmática é também apresentada em S.Mateus.

Como avaliação final do gênero jurídico parabólico podemos concluir que a principal função desse gênero é o convencimento, aliada a persuasão que conduz o ouvinte a uma autocondenação. 

A parábola com essa característica jurídica tem como propósito provocar a participação dos ouvintes no enredo, e forçá-los de forma espontânea a uma reflexão urgente, causando um julgamento imediato.

A aplicação da parábola é refletida pela fé dos primeiros cristãos, num confronto direto com o judaísmo, enfocando a importância da comunidade de São Mateus em produzir frutos, em detrimento das autoridades judaicas e suas instituições que sofrem de uma esterilidade.

Toda essa estrutura, se aplica à parábola dos talentos (Mt.25,14-30) que nos parece mais estranha, onde os próprios ouvintes são levados a julgar por eles mesmos sobre quem não produz frutos em suas tarefas e responsabilidades.

Esse é o objetivo final da parábola dos talentos, partindo de um exemplo inventado criado para criar impacto, como é próprio do gênero literário das parábolas, onde não acontecem os casos narrados mas são imaginários para tirar uma lição moral.

O importante nas parábolas é a arte de levar os ouvintes a pensar com seu próprio pensamento e dar eles mesmos a sentença. E o mais interessante é que a sentença recai sobre eles mesmos.

A conclusão é a mesma que nas outras três parábolas dos “dois filhos”, dos “vinhateiros homicidas” e do “banquete nupcial” onde é declarada a lição moral final: “O reino de Deus vos será tirado e será dado a uma nação que produzirá seus frutos” (Mt, 21,43).

          NOTICIÁRIO:


1)- Realizou-se a Assembleia de Pastoral da diocese de Brejo nesta semana (9-12), com a participação de representantes de todos os movimentos e pastorais de todas as 20 paróquias e áreas pastorais da diocese. O tema foi sobre o ITINERÁRIO DA INICIAÇÃO À VIDA CRISTÃ, (IVC) onde foi muito enfocado o empenho da PASTORAL DA FAMÍLIA neste trabalho de novos rumos para a catequese, como o grande agente de evangelização junto às famílias, em parceria com os agentes da catequese.


2)- Coordenação paroquial da Pastoral Familiar: Convoco a Coordenação paroquial da PASTORAL FAMILIAR e as COORDENAÇÕES DE TODOS OS BAIRROS para uma reunião nesta 4ªFeira, dia 22, no CBNET, a fim de colocarmos em dia a PASTORAL e muito mais agora com o objetivo de assumirmos os encargos dos novos rumos desta nova evangelização paroquial. Horário às 19.00h.


3)-1º Rebanhão das CBEs: Acontece hoje no centro do Setor 02, comunidade da Mangabeira durante todo o dia, encerrando com a grande celebração eucarística às 16.00h presidida pelo senhor Bispo dom Valdeci.

4)- Missão Jovem: Também acontece hoje no povoado da Boa Vista com os catequizandos de Crisma, Profissão de Fé e Comunhão solene.

5)- Torneio da Catequese: Será no dia 25. Local: Rincão Boa Nova. Os treinos, dias 23 e 24.

6)- Pastoral do Batismo: As equipes de preparação de batismos teremos reunião amanhã, dia 20. Horário das 19.00h, no CBNET

7)- Ministros da Comunhão: Reunião na 5ª feira, dia 23. Sua presença é muito importante.

8)- Conselhos econômicos das Comunidades: Convoco os CONSELHOS ECONÔMICOS DAS COMUNIDADES (CAE) para uma reunião no dia 27/11. Local CBNET, às 19.00h com as contas em dia de sua Comunidade. Os conselhos econômicos têm que prestar contas todos os meses à COMUNIDADE E AO COLEGIADO da Comunidade.

9)- Está decorrendo o Festejo de CRISTO REI, na Paróquia vizinha, gêmea e irmã. Convido a colocarmos todo empenho para participar. Eu irei celebrar a noite da novena do dia 24. E P.Ambrósio irá celebrar hoje neste dia 19.

10)- ANO NACIONAL DO LAICATO. Terá início com a Festa de Cristo Rei, 2017 o Ano Nacional do Laicato, e encerrando na festa de cristo Rei de 2018 (25/11). O que é o laicato? É a Igreja composta por todos católicos leigos. Próximo domingo nosso jornal será dedicado a esse tema e falaremos mais a respeito.

11)- Dias de Consagração nas Comunidades: 29/11 na comunidade S.Pedro;  01/12, comunidade S.Raimundo;  02/12, comunidade S.Francisco; 03/12, comunidade S.Antônio; 10/12 na comunidade Sant’Ana; 18/12 na comunidade Nª.Sª.do Bom Parto. No Centro e em Sta Teresinha, no mês de Maio.


12)- 1º Rito do batismo; Dia 26, na missa das 10.00h. Lembramos que façam suas fichas no secretariado. O 2º rito, dia 10/12.

13)- O dia 19 de Novembro foi proclamado pelo Papa Francisco como o DIA MUNDIAL DOS POBRES, e como ele declara na MENSAGEM, sintonizar com os pobres é a melhor maneira da preparação para a festa de Jesus Cristo Rei. "É para que ela  resulte ainda mais autêntica, porque na verdade a realeza de Cristo aparece em todo o seu significado precisamente no Gólgota, quando o inocente, pregado na cruz, pobre, nu e privado de tudo, encarna e revela a plenitude do amor de Deus"
No próximo Jornal VIDA NOVA da próxima semana nos reportaremos mais a este assunto.

sábado, 11 de novembro de 2017

O que é Ética e o que não é



“Age do modo que a máxima da tua vontade possa sempre valer como princípio para uma lei universal”(Platão).

Estamos tratando de ética. A ética é um problema que diz respeito a todos os homens. A problemática moral preexiste tanto ao surgimento do cristianismo que tem dois mil anos quanto ao da razão.

Não  devemos reduzir o problema da ética a um debate entre crentes e não crentes porque ele o ultrapassa. como dizer, o todo é maior que as partes.

Podemos agora nos perguntar: O que é ética e o que não é?

Para os antigos filósofos, tal como Platão, a justiça e a virtude centralizavam todo o problema moral. O termo virtude tem, em grego, um significado bem mais rico e bem diferente do que tem para nós hoje. Designa o que faz a excelência, a perfeição de um ser.     É a prática ordenada de seu próprio bem, de onde resulta harmonia e felicidade.  

Trata-se de partes de uma única virtude, da mesma forma como os olhos, as orelhas e o nariz são partes do rosto. 

Na mítica antiga, nos tempos da criação, os deuses confiaram a Epimeteu e a Prometeu o cuidado de dotar cada espécie das qualidades necessárias à existência. 

Epimeteu abasteceu tão generosamente os animais e os vegetais que, quando chegou a vez da espécie humana, nada mais restava. Prometeu decidiu então compensar a imprevidência do irmão e furtou de Hefesto e Atena o fogo.

Eis, portanto, como o homem conquistou a inteligência que se aplica às necessidades da vida. No entanto, a discórdia começou reinando entre eles e ameaçava aniquilá-los. 

Foi então que Zeus, temendo o desaparecimento total da nossa espécie, enviou Hermes para levar aos homens o sentimento da honra e do direito, a fim de que pudessem se entender e se governar.

Já nos tempos modernos a ética foi estudada por Kant como o princípio supremo da moralidade. Uma de suas grandes questões filosóficas é o da ação humana, ou seja, o problema moral. 

Trata-se de saber o que o homem deve fazer, de como agir em relação a seus semelhantes, de como proceder para obter a felicidade ou alcançar o bem supremo. 

Existem valores morais diversos, e entre eles existem escolhas, pois temos o limite social, cultural etc. Nós somos inseridos no mundo e este sendo social já é formado, situado. Sendo assim, tem sentido afirmarmos que o eu tem um vasto campo de deliberações pessoais. 


A deliberação moral reside na questão – que tipo de pessoa quero ser? Então, a moral é quando a decisão contribui para a identidade do seu “eu”. 

De acordo com o modelo popular temos o “eu” racional e reflexivo, e o “eu” movido pelo o instinto.

O “eu” movido pelo instinto é voraz e devorador dos outros, é canino, e quando se encontra com poder é destruidor, em benefício do seu ego. Este ego quando entra num clima de política suga o sangue do povo para engordar a si mesmo. É aqui que se fazem os maiores crimes contra a sociedade e contra a humanidade.

Adéqua com o que já diziam as sentenças da Bíblia:
Quando o governo é formado de homens justos, o povo vive feliz, mas quando os líderes de uma nação são maus e desonestos, o povo chora de tristeza. Um rei justo e honesto ajuda seu país a crescer e viver em paz; o rei que quer ficar rico às custas do povo acaba destruindo a nação" (Prov. 29, 2-4)

O “eu” racional e reflexivo é o “eu” que pratica as cinco virtudes da ética: responsabilidade, lealdade, transparência, respeito, integridade e cidadania. Aqui se diz do homem político que tem moral, ética e caráter, já que as duas maiores virtudes da ética são o caráter e a moral.


Daí a expressão, aquele fulano não tem moral, ou “não tem caráter”, quer dizer não tem ética

          
          NOTICIÁRIO

1)- Próximo domingo, 19 acontecerá o REBANHÃO DAS COMUNIDADES, onde estarão reunidas as Comunidades de toda zona rural e não só. LOCAL: na MANGABEIRA. Constará da seguinte PROGRAMAÇÃO: Grande sessão solene de uma visão geral da amplitude e dinâmica das Comunidades nos dia de hoje pelo P.Chagas da Pastoral social da Diocese de Brejo, seguindo-se Testemunhos. Após o almoço comunitário shows dos dois cantores mais em voga na tradição das Comunidades do Baixo Parnaíba, Francisco Marinho e Pedro Silva. Às 16.00h a grande celebração com encenações e missa solene pelo Bispo diocesano Dom Valdeci. Vai ser uma prévia da celebração dos 50 anos das CEBs de Chapadinha em 2020. É uma celebração promovida pelo COMIPA junto com o pároco.

2)- MISSÃO JOVEM: Também no próximo domingo 19 aqui na cidade será realizada a XIII Missão Jovem com os catequizandos de Crisma, Profissão de Fé e Comunhão solene, organizada pela coordenação da CATEQUESE PAROQUIAL. Local: no Bairro Boa Vista (Mutirão).

3)- No dia 25, próxima semana acontecerá o TORNEIO DA CATEQUESE no RINCÃO. Os treinos acontecerão 23 e 24, sob o comando do prof. Bernardo Ayres, de manhã e à tarde. O encerramento da Catequese será no dia 18/11.

4)- As datas da Consagração nas Comunidades virão marcadas no próximo jornal da próxima semana.

5)- O 1º rito dos batismos de adultos acontecerá no dia 26/11. Vão fazendo as fichas no Secretariado paroquial. O 2º rito no dia 10/12

6)- O CPP terá reunião nesta Terça feira, dia 14. Cada Comunidade deverá levar as contas da comunidade. E as comunidades que faltaram na reunião do dia 31/10 devem levar o relatório dos pertences de cada Capela.

7)- Amanhã, dia 13 temos a reunião das Equipes do dízimo. Para avaliar o andamento do dízimo e atualizar melhor a prática bíblica e pastoral do dízimo. Sua presença é muito importante.

8)- Nos dias 16-26 estará acontecendo a Novena de Cristo-Rei, o padroeiro da Paróquia de CRISTO-REI. Vamos nos associar com alma e coração nessa linda programação, colaborando em todas as programações.

9)- Nesta semana, do dia 09 a 12 decorre a Assembleia diocesana de Pastoral na sede da diocese, com a presença de todos os agentes de pastoral, equipes sacerdotais, equipes de agentes de pastoral, pastorais e movimentos. Os padres da paróquia, P.Casimiro e P.Ambrósio estaremos presentes pelo menos até sábado.

10)- A pastoral Afro tem reunião nos dia 18-19 também na sede do Brejo.

11)- No dia 07 tivemos a reunião dos Colegiados, como estava anunciado. Só faltaram os Colegiados de Santo Antônio e Centro. Ficou decidido que os Colegiados de cada Capela e do Centro deverão reunir-se todos os meses entre si para verem o andamento de suas pessoas e da Comunidade.

12)- Missa da unidade paroquial aconteceu no 1º sábado, dia 04/11: Comunidades mais representadas: S. Antônio, Santana, Bom Parto, S. Francisco, Centro. As menos: S. Raimundo, S.Teresinha, São Pedro.
PASTORAIS mais representadas: Acólitos, Past. da Familia, M. da Eucaristia, Homens do Terço, Mulheres do Terço. AS MENOS: Past. da Sobriedade, RCC, Shallon, Caminho, Legião de Maria, Apostolado da Oração, Apostolado do Terço. No primeiro sábado de Dezembro convido para prestar mais atenção, dia 02/12. Obrigado.

sábado, 4 de novembro de 2017

A Cristologia com a visão evolutiva do mundo e a autotranscendência.



Em termos gerais, partimos do princípio que podemos falar da harmonia ou possibilidade da harmonia da cristologia com a visão evolutiva do mundo.

Esta tarefa consiste em que se esclareça a possibilidade de interna afinidade e harmonia mútua entre as duas grandezas. E assim, onde o homem hoje mais se sente em sua casa, neste mundo, este axioma aí atribui o próprio lugar insubstituível de Deus. Deus e homem em insubstituível parceria.

O enunciado central é levarmos muito a sério que o Logos se fez carne. No entanto, descartamos a maneira mitológica não mais sustentável em que certa mentalidade se apoiava nesta dogma.

Como afirma Karl Rahner “quanto a nós, gostaríamos de refletir aqui sobre o que qualquer teólogo poderia dizer ao se confrontar com a necessidade de atualizar sua teologia sob o impacto das questões colocadas pela visão evolutiva do mundo” (Curso Fundamental da Fé, 219).

Partindo então da unidade existente entre espírito e matéria (unidade mas não identidade), iremos entender o homem como existente no qual a tendência fundamental da matéria a se encontrar a si mesma no espírito chega à sua irrupção definitiva na autotranscedência.

Daí decorre o axioma que essa autotranscendência é abertura ontológica e ao mesmo tempo graça e glória produzida por Deus na intencionalidade da criação. E daí partimos para o princípio que todo ser humano, no seu grau assume em si um grau da encarnação de Deus, isto que chamamos também graça e glória porque uma não anda sem a outra.


Pense num Francisco de Assis, num Padre Pio, numa Teresa de Calcutá, quem os via, via Deus naquela carne, naquele kit de carne e espírito numa unidade tão unida, diversa mas uma. Na época da vida deles era abertura ontológica, era graça, e hoje é glória. “Por essa perspectiva, a encarnação surge como o início necessário e duradouro da divinização do mundo no seu todo”.

Por isso que careceria de sabor cristão conceber matéria e espírito como sendo realidades apenas eventualmente justapostas. Para uma teologia e filosofia cristãs é coisa pacífica que a matéria e espírito mais têm de comum do que diferente.

É na unidade intrínseca do homem que se manifesta em sua maior clareza essa harmonia de elementos. Segundo a doutrina cristã, todo homem é não uma composição contraditória ou transitória de matéria e espírito mas uma unidade. No estado de consumação, que chamamos de morte, não se pode excluir a sua materialidade como sendo coisa transitória e adjetiva, mas constitutiva.

E isto é tão belo e tão constitutivo, que à medida que o homem uno assim se experimenta, pode e deve dizer assim, eu sou espírito.

O que é autotranscendência? A matéria como evoluindo por sua natureza interna  na direção do espírito, a que chamamos o devir. O devir há de se entender como um vir a ser mais, como surgimento da realidade maior, como obtenção viva da plenitude de si.

E evolução? Podemos então definir a evolução: a história não é permanência na mesmisidade mas o devir do novo. O anterior se supera realmente ultrapassando-se e salvaguardando-se em toda a verdade. Por isso hoje aceita-se tranquilamente que a evolução chegou até à consciência e à liberdade. Podemos dizer com toda a verdade como sendo o homem produto da natureza e dali em diante parceiro no comando da mesma natureza.

De onde vemos o nexo entre Cristologia, visão evolutiva do mundo e autotranscendêcia.

            NOTICIÁRIO


1)- Hoje primeiro domingo de Novembro tem exposição do Santíssimo, com os grupos e horários de cada grupo.

2)- Colegiados: vamos ter reunião no dia 07, 3ªfeira.

3)- Dia 13 temos a reunião das Equipes de dízimo. Como habitual no CBNET e o horário às 19.00h.

4)- Assembleia diocesana de Pastoral: Dia 09-12, na sede da diocese.

5)- Reunião do CPP, no dia 14, onde cada comunidade deverá trazer suas contas, para colocar em comum no CPP. As comunidades que faltaram na reunião do dia 31/10 e não entregaram o relatório dos pertences da comunidade deverão trazer para o CPP como sem falta.

6)- Recebemos a notícia que o diácono José Antônio da Silva vai ter a ordenação sacerdotal no dia 17 de Dezembro na igreja de N.S. da Boa Nova em Contagem, Belo Horizonte. E no dia 16 do mesmo mês de Dezembro haverá aqui a ordenação de diáconos do Francisco de Assis do Vale, e  do Felipe na paróquia de Cristo Rei

As bem aventuranças noutra versão
“Que avancem os pobres em espírito, porque deles é o reino dos céus!” Os “pobres em espírito” são aqueles cuja vida está apoiada em Deus, não nos bens materiais, e por isso sua luta não será em vão, mas alcançarão aquilo que esperam, a saber, o reino dos céus.
Que avancem os “mansos”, pois, embora atribulados, não agem com violência nem duvidam do amor de Deus por eles. Estes herdarão a terra e a usufruirão sem violência, como o desejam.
Que avancem os que têm “fome e sede de justiça”, a saber, os decepcionados com a justiça terrena, a qual não defende os inocentes e favorece os culpados. E, porque esperam unicamente na justiça divina, não serão decepcionados, mas alcançarão a vitória, viverão numa terra renovada, alicerçada na justiça.
Que avancem os misericordiosos, pois, como agiram à semelhança do agir divino, serão tratados por Deus com misericórdia e viverão num novo mundo, onde a misericórdia e o amor superam todas as coisas.
Que avancem os “puros de coração”, os que são transparentes, não enganam nem são falsos. Eles verão a Deus.
Que avancem todos aqueles que “promovem a paz” ou que produzem o shalom (prosperidade, bem, saúde, inteireza, segurança, integridade, harmonia e realização). Serão chamados filhos de Deus, o verdadeiro doador da paz.

Que avancem os “perseguidos por causa da justiça”, os que sofrem perseguição por causa da fé, por causa do evangelho. Quem sofre por causa de uma participação ativa na construção do Reino não será decepcionado, mas verá o Reino acontecer. Os que se ajustam à vontade de Deus terão lugar no reino dos céus, onde a vontade de Deus é soberana.
Que avancem as pessoas de boa vontade, verdadeiras promotoras dos valores do reino dos céus na história. (Aíla Pinheiro de Andrade)






sábado, 28 de outubro de 2017

Procura-se um assessor para uma grande empresa – DIA DE CRISMA EM CHAPADINHA.


“O assessor, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome lhes ensinará tudo e lhes recordará tudo o que lhes ensinei” (Jo.14,26)

Uma pessoa vai começar uma empresa, o que precisa em primeiro lugar? Um assessor.

Um prefeito ou outra pessoa que começa um cargo,  o que precisa em primeiro lugar? Um assessor.

Um político que começa sua campanha, o que precisa? Um bom assessor.

Assim também o cristão cresceu, vai enfrentar o 
namoro, vai enfrentar o casamento e uma família, o que precisa de muito importante? O assessor que é o Espírito Santo.

Você vai enfrentar uma profissão, precisa o assessor, o Espírito Santo para que seja um profissional católico e um casado católico.

“O assessor, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, lhes ensinará tudo e lhes recordará tudo o que lhes ensinei”

Vale dizer, o que você aprendeu na catequese, quantas coisas já esqueceu? O Espírito Santo é que nesta idade mais avançada irá recordar e atualizar cada ensinamento a cada situação da vida (Extraído do livro “Eu aceito Jesus, 2º Catecismo, do P.Casimiro, edição da Paróquia de Chapadinha, 2015, pg. 30-31).

Veja bem, em criança ninguém precisa assessor; os assessores natos são os pais e de quebra os padrinhos, às vezes tem uma avó pelo meio. Aprende coisas adequadas à sua idade e compreensão. 

“Quando eu era criança falava como criança, pensava como criança, raciocinava como criança; depois que me tornei adulto fiz desaparecer o que era próprio da criança” (1 Cor.13,11).


E se ficasse só naquilo que era de criança. Mais tarde, quando o seu corpo, os hormônios cresceram, seus apetites intelectuais e sexuais cresceram, cadê o que você aprendeu? Aí precisa o assessor. 

Entra na Faculdade, encontra as ciências humanas de filosofia, bioquímica, história e zootecnia, e evolução, e cosmologia. E cadê o que você aprendeu? Professores te enfrentam e você tem que enfrentar professores com ideologias atualizadas, e cadê o que você aprendeu?

Seus hormônios não são os mesmos, viraram adultos, exigem companhia, exigem uma explicação. Cadê o que você aprendeu? Qual explicação vai dar para seus hormônios? Será que é igual os pais que dão tudo que a criança pede, nunca dizem um “não”? 

Criança pede coisas de criança. Mas hormônios pedem coisas de adulto. Seus hormônios estão despertados, você é um adulto no biológico, mas precisa treino. Igual quando vai ser político ou profissional, mas vai precisar treino e assessor. Não vai dizer sempre sim, mas tem que aprender quando é preciso dizer “não”.

No dizer do teólogo Karl Rahner “o cristão é o que aceita tranquilamente a situação do que somos e do que devemos ser como tarefa. Supõe um “não” a alguma coisa, e um “sim” a outra coisa.” Portanto, às vezes precisa dizer um não a seus hormônios para que possa tranquilamente dizer um sim outras vezes.

Também você quando era criança não tinha condição de dizer “eu aceitei Jesus como meu salvador”. Agora diz e aceita definitivamente Jesus como seu Salvador, pelo sacramento da CRISMA, e pela Profissão de Fé. 

Não tinha condição em criança de pensar que é salvo pelo sangue de Jesus e por todos os sacramentos que fazem parte da vida cristã. Agora tem condição de dizer a afirmar que é um salvo por Jesus.

Esta afirmação adéqua com os conceitos de esperança e de justiça bíblicos. Esperança na fé é uma certeza, e “justiça” de Deus é salvação.


“Podemos, e até devemos dizer em nossa fé cristã e na esperança a ela vinculada que o mundo no seu conjunto está salvo, que Deus já superou por Jesus Cristo crucificado e ressuscitado o “não” dito pelo mundo com o pecado”.” (Karl Rahner, Curso Fundamental da Fé, Edições Paulinas, 479).     



             NOTICIÁRIO:


1)- Hoje é um dia muito feliz para Chapadinha, pois temos entre nós o nosso pastor maior, nosso bispo Dom José Valdeci Santos Mendes que no horário das 10.00h irá administrar o sacramento da CRISMA a tantos e tantas crismandos da cidade e do interior que se prepararam para este momento. E à tarde participará na caminhada de encerramento da SEMANA NACIONAL DA JUVENTUDE, e com a santa Missa no final.


2)- A missa das 20.00h será presidida pelo senhor bispo e será na praça do Colégio Paulo Ramos ou praça S.Ramundo, como encerramento da Semana nacional da Juventude. A caminhada sairá da Praça do Povo às 17.30h e encerra com a missa presidida pelo Dom como estamos falando.


3)- Dia de finados 02 de Novembro: Celebração da Eucaristia às 08.00h na Matriz, e 07.00h na Capela de São Pedro, e às 20.00h na matriz. Como é a 1ª Quinta feira do mês tem confissão a partir das 09.00h. À noite a celebração penitencial é substituída pela santa missa das 20.00h.

3)- Missa da unidade paroquial: É no primeiro sábado dia 04. Não esqueçam todas as pastorais e movimentos e deixem seus compromissos particulares de lado para outro dia.
4)- Próximo domingo, o 1º domingo de Novembro, terá exposição do Santíssimo com adoração de cada grupo e seus horários.

5)- Assembleia diocesana de Pastoral: Vamos já preparando-os para  a Assembleia diocesana de Pastoral, onde se planeja e avalia toda a ação pastoral da diocese e das paróquias. Será desde o dia 09 ao 12 de Novembro, na sede da Diocese.
6)-Na última reunião dos Conselhos das Comunidades ficou assente o seguinte: 1ºAs Comunidades trazer para o Secretariado  as respostas da Avaliação do ano 2017, até o final de Outubro; 2º Até o dia 31/10 trazer o relatório dos bens de cada Capela, e nesse dia 31 terrão uma reunião com sr. Washington e dona Leilda os encarregados do patrimônio da igreja, e com todo o CAEP;  3º Cada Comunidade trazer suas contas para a próxima reunião do CPP que será no dia 14 de Novembro. Obrigado.



7)- Irmã Tássia passou uns três meses de férias com a família de Mata-Roma e aqui conosco e com as Missionárias da Boa Nova, retornou nesta 4ª feira para Moçambique. Desejamos continuação de um bom trabalho missionário para Ir. Tássia Regina Lima.


sábado, 21 de outubro de 2017

Dai a César o que é de César e a Deus o que é de Deus. dai à nação o que é da nação e a Deus o que é de Deus, e ao povo o que é do povo.


A vida do povo pertence a Deus e não aos poderes do mundo. Porém nossos governantes estão sugando o sangue do povo para se manterem, roubando a vida do povo e o direito de Deus e o direito do povo.

DIA MUNDIAL DAS MISSÕES
DAI A CÉSAR O QUE É DE CÉSAR E A DEUS O QUE É DE DEUS (Mt.22,21).

Deus tem direitos? Dê a Deus os seus direitos. Quais são?

César tem direitos? Dê. Quais são os direitos de César?

DIREITOS DE DEUS: Reconhecê-lo; Pôr-se à sua disposição; Adorá-lo e Amá-lo em primeiro lugar (1º mandamento).

DIREITOS DE CÉSAR (César significa a Nação): Não endeusá-la; Colaborar com os impostos, para que a Nação cuide de nós.
Dai a César o que é de César e a Deus o que é de Deus. Dai à nação o que é da nação e a Deus o que é de Deus, e ao povo o que é do povo. Jesus nos envia em missão para realizar este objetivo.

Hoje é o DIA MUNDIAL DAS MISSÕES  para que aconteça este OBJETIVO

O Tema escolhido para a CAMPANHA MISSIONÁRIA deste ano 2017 é “A ALEGRIA DO EVANGELHO PARA UMA IGREJA EM SAÍDA.

E a MENSAGEM DO PAPA para esta campanha deste ano nos diz que : “ Deus Pai quer uma transformação dos seus filhos e filhas para uma vida animada pelo Espírito Santo, porque a glória de Deus é o ser humano bem feliz”.

O Papa enfatiza na sua mensagem final que “ o mundo tem uma necessidade essencial do Evangelho de Jesus Cristo”. Por isso nossa alegria é sair para anunciar. “ A alegria do evangelho para uma Igreja em saída e para um mundo mais irmão.”   

Os jovens são a esperança da missão. A pessoa de Jesus e a Boa Nova proclamada por Ele continuam a fascinar muitos jovens. Estes buscam percursos onde possam concretizar a coragem e os ímpetos do coração ao serviço da humanidade

«São muitos os jovens que se solidarizam contra os males do mundo, aderindo a várias formas de militância e voluntariado. (...) Como é bom que os jovens sejam “caminheiros da fé”, felizes por levarem Jesus Cristo a cada esquina, a cada praça, a cada canto da terra!» (Ibid., 106). 

A próxima Assembleia Geral Ordinária do Sínodo dos Bispos, que terá lugar em 2018 sobre o tema «Os jovens, a fé e o discernimento vocacional», revela-se uma ocasião providencial para envolver os jovens na responsabilidade missionária comum, que precisa da sua rica imaginação e criatividade.


ESTATÍSTICAS: RELIGIÕES NO MUNDO

CRISTÃOS (católicos e p=33% 2,2 bilhões
ISLÃO...............................=22% 1,6 bilhões
HINDUÍSMO....................=15%  900 milhões
RELIGIÕES CHINESAS... =12% 400 milhões
BUDISMO.........................=8.5%376 milhões
XINTUÍSMO......................=8% 376 milhões
SIKHISMO...............         =20 milhões
JUDAÍSMO.....................=17 MILHÕES
ESPIRITAS......................= 13 MILHÕES


Obs: Onde tem “Cristãos” inclui católicos e protestantes, todos seguidores de Jesus Cristo. Na verdade, nós católicos aceitamos Jesus Cristo como nosso Salvador, eles dizem que também aceitam, glória a Deus; Nós somos salvos, eles dizem que também, então demos glória a Deus. Então somos irmãos, porque Cristo é o eixo que nos une assim como o eixo da roda que une todos os raios. O resto são detalhes, eles rezam de uma maneira, eles cantam de uma maneira, nós de outra, mas isso são detalhes,  o importante é o eixo, CRISTO, que nos une para sermos irmãos. Então não é bom alguém lutar ou debochar de seu ninguém porque somos irmãos. É bom no dia Mundial Missionário pensar nisso.


DNJ= Dia Nacional da Juventude
Hoje é a abertura da SEMANA NACIONAL DA JVENTUDE (PJ), e encerra no próximo domingo, 29, com o DNJ=DIA NACIONAL DA JUVENTUDE


PROGRAMA: 22, abertura com a Missa às 19.30h. Dia 23-24: Visitas às Escolas Estaduais e Municipais. 25-26: Visitas aos Grupos de Jovens da Zona Rural. 27: Torneio às 18.00h. Dia 28: Torneio às 08.00h da manhã; Balada Jovem no Ginásio Municipal às 21.00h. Dia 29: Encerramento do DNJ com caminhada às 17.00h e Missa campal às 19.30h